Saltar para: Post [1], Comentar [2], Pesquisa e Arquivos [3]





Um daqueles dias

por Maria, quem és tu?, em 29.12.14

Isto hoje não foi fácil. Nada fácil mesmo. Eram quatro da manhã quando acordei cheia de pesadelos. Como sou uma verdadeira maricas fui acordar a minha mãe para vir dormir comigo, porque já estava mesmo a ver que sem ela não ia pregar olho a noite inteira. Eu bem sei que já tenho idade suficiente para não chamar a mãe, o pai, o namorado, o vizinho, ou o periquito a meio da noite, mas eu avisei-vos que era uma maricas de todo o tamanho. Lá consegui recuperar o meu sono de beleza e dormir descansadinha da vida o resto da noite. Quem tem uma mãe tem tudo. Principalmente quem tem uma mãe daquelas que tanto pode ser acordada às quatro da manhã como ao meio-dia que não refila nem um bocadinho. Mas isto foi só o início de um daqueles dias mesmo bons. De manhã enquanto me arranjava, com um olho meio aberto e outro meio fechado, vesti as cuecas ao contrário e não contente com isso ainda consegui vestir as calças ao contrário. Pimba, dois em um. Cheguei ao elavador do escritório e percebi que me tinha esquecido da lancheira. Ora bolas, que ainda nem sequer tinha comido nada a não ser um pacote de leite e logo eu que sou uma pessoa de alimento. A meio da manhã ainda houve tempo para me dar uma dor de barriga daquelas que me obrigou a estar uns bons quinze minutos na casa de banho, o que para quem trabalha num escritório relativamente pequeno é horrível. Quando saímos da casa de banho parece que está tudo a olhar para nós com um ar reprovador. Quase a terminar a manhã precisei de fazer uma chamada e surpresa das surpresas, esqueci-me do telemóvel da empresa em casa. Calei-me caladinha a ver se nenhum dos chefes se lembrava de me pedir o telemóvel. Durante a tarde ainda me engasguei valentemente quando engoli uma pastilha e percebi que nem o raio da garrafa de água tinha enfiado para dentro da mala. Ahhh que maravilha de dia. Venham mais assim, que é o que se quer.

Autoria e outros dados (tags, etc)


Comentar:

Mais

Se preenchido, o e-mail é usado apenas para notificação de respostas.



Mais sobre mim

foto do autor


Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

Arquivo

  1. 2016
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2015
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D
  27. 2014
  28. J
  29. F
  30. M
  31. A
  32. M
  33. J
  34. J
  35. A
  36. S
  37. O
  38. N
  39. D
  40. 2013
  41. J
  42. F
  43. M
  44. A
  45. M
  46. J
  47. J
  48. A
  49. S
  50. O
  51. N
  52. D